GRAN RAMOS
MÁRMORES - GRANITOS - SILESTONES    Ipiranga (11) 5061 7368 vendas@granramos.com.br

A importância de um bom acabamento de mármores e granitos em projetos de arquitetura

3 mar

2

Mármores e granitos são opções bastante populares em obras de arquitetura com um objetivo estético de refinamento e durabilidade. Porém, qual a importância do acabamento para atingir-se tais objetivos?

Neste artigo abordaremos os atrativos particulares do mármore e do granito como material de um piso e o papel do acabamento para obter-se um resultado final excelente.

O custo-benefício do mármore e do granito

Quando se pensa em atrativos para o uso do mármore e do granito, o primeiro diferencial que vem à mente é o seu excelente custo-benefício. Sua resistência física e química são muito maiores que as de materiais populares, mas o seu preço não aumenta na mesma proporção. Isto significa que, no longo prazo, os pisos de granito e mármore acabam se tornando mais econômicos.

O mármore possui uma grande durabilidade do seu brilho e beleza natural, embora sua resistência física e sua resistência à absorção de água sejam menores que as do granito. Por isso, seu custo benefício é maior em ambientes internos que não são muito expostos à água e que não sofrem muitos impactos físicos.

Já o granito, possui uma grande durabilidade física, seja em absorção de água, seja em resistência a desgaste abrasivo, ou seja em sua proteção natural a ataques químicos. Por isso, é recomendado para qualquer ambiente, inclusive os externos, que estão expostos à chuva e a um trânsito mais pesado.

A beleza e a versatilidade estética do mármore e do granito

O granito é considerado um produto nobre para decoração de interiores e exteriores, possuindo uma vasta variedade de cores e desenhos, dependendo das regiões de sua origem. Já o mármore é usado desde a antiguidade em obras artísticas e em construções clássicas que desejam transmitir um ar de elegância e limpeza.

Estes materiais podem ser encontrados em cores desde o branco puro até o negro absoluto, passando por extensa variedade de tons de cinza, amarelo, vermelho, verde, azul e suas combinações.

Além da cor, sua textura pode ser trabalhada de diversas formas para apresentar identidades estéticas diferentes. Uma identidade rústica apresenta uma aparência mais fosca e aconchegante. Já uma identidade polida transmite mais elegância, ar de limpeza e sofisticação.

Abaixo, são apresentadas algumas formas de se trabalhar a textura do material, através de processos específicos de acabamento da superfície:

  • Polido: o bloco do material é polido após a serragem, utilizando-se abrasivos especiais;
  • Apicoado: Mais utilizado no granito, este tipo de acabamento consiste em aplicar marteladas controladas no material, gerando graus variáveis de aspereza. Indicado para áreas externas e fachadas;
  • Flameado: Este acabamento de granito aplica um jato de fogo que gera um acabamento final áspero aveludado no material. Também é indicado para áreas externas;
  • Levigado: Realiza-se um semi-polimento com os abrasivos de ação mais grosseira, resultando em um acabamento sem brilho. Usado para criar um efeito visual mais discreto;
  • Bruto: A pedra é usada sem acabamento, gerando um efeito natural e rústico no ambiente.

Pode-se ver, portanto, que estes materiais possuem uma beleza natural que pode ser explorada de diversas formas.

A necessidade de um bom acabamento de mármore e de granito

Tendo em vista as possibilidades de se trabalhar a textura destes materiais para gerar um efeito particular, é importante que o acabamento seja feito de maneira profissional e qualificada, pois o efeito final do piso dependerá apenas da preparação da sua textura e da sua correta aplicação na obra.

Como já mencionado em detalhes no artigo A ESCOLHA DE UMA BOA MARMORARIA COMO GARANTIA DE QUALIDADE, o processo de acabamento profissional envolve diversas etapas de aplicação, cada uma com diversos passos. Elas visam garantir um processo de acabamento planejado, bem-executado e de qualidade mantida por um sistema interno de controle, fazendo com que o resultado final não dependa apenas do técnico de aplicação do acabamento, mas de um esforço global da marmoraria para garantir a qualidade e satisfazer a necessidade do cliente.

Abaixo, são apresentados os passos do assentamento de um piso:

  • Criar um projeto para o piso, isto é, definir previamente a dimensão das placas ou outras peças de piso conforme as dimensões do local;
  • Realizar uma pré-montagem do piso;
  • Preparar os insumos do processo conforme normas existentes (exemplo: peneirar a areia com a peneira de dimensão correta, estabelecer um nível adequado de massa, utilizar a quantidade correta de água para não deixar o piso úmido, etc);
  • Utilizar as ferramentas corretas para cada tarefa do serviço (isto é, sem improvisações!);
  • Empregar apenas especialistas para o assentamento do piso;

Assim, aplicando-se um serviço profissional em um empreendimento, a escolha de um material de ótimo custo-benefício e de apreciada beleza estética não será desqualificada pelas imperfeições na aplicação de seu acabamento final.

Conclusão

Neste artigo vimos as vantagens do uso de granito e de mármore no acabamento de projetos de arquitetura e a importância de se realizar um bom processo de aplicação do acabamento para garantir o usufruto destas vantagens.

Até a próxima!

BANNERS-TEMÁTICOS-04

 
 
Copyright © 2016 | Studio Xang
Chat