GRAN RAMOS
MÁRMORES - GRANITOS - SILESTONES    Ipiranga (11) 5061 7368 vendas@granramos.com.br

Pisos para empreendimentos imobiliários

13 fev

2

A escolha de um tipo de piso para uma nova construção é dependente de diversos fatores, tanto estéticos quanto físicos e econômicos.

Caso a avaliação destes fatores não seja feita corretamente, corre-se o risco de escolher um piso mal-dimensionado, ou incorretamente valorizado, em relação ao conceito desejado para o empreendimento. Isso pode incorrer em um investimento desnecessário em pisos caros, ou adquirir-se um piso de qualidade inferior apenas pelo quesito econômico, que pode eventualmente se tornar desvantajoso no longo prazo.

Neste artigo avaliaremos os tipos de piso e sua aplicabilidade a diversos empreendimentos imobiliários.

Pisos de aplicação interna geral

As opções mais populares na hora de se escolher um material para pisos de ambientes internos são o porcelanato e as cerâmicas. Tais materiais possuem um baixo custo e uma grande diversidade de texturas e aparências, podendo até simular outros materiais (como madeiras, granitos e mármores). Contudo, sua resistência física e química não é excepcional. Por esta causa, tais pisos não são recomendados para os locais onde ocorre:

  • Muito impacto: corre-se o risco de rachar o piso;
  • Muito trânsito: desgastes e riscos são frequentes, para os quais estes pisos não possuem muita durabilidade;
  • Muita exposição à água: a penetração da mesma nos pisos gera manchas ao longo do tempo;

Adicionalmente, eles também não são recomendados para locais onde se espera uma durabilidade longa do piso. Para estes locais, pode ser mais vantajoso economicamente comprar um piso mais caro.

3

Contudo, para empreendimentos imobiliários de larga escala onde se espera um uso normal, como o piso de apartamentos de um novo conjunto residencial, ou um grande número de residências, tais pisos são bastante apropriados, pois barateiam o empreendimento ao oferecer um primeiro capeamento do chão em quantidade.

Tal vantagem se torna ainda mais significativa ao se considerar o número de reformas que são feitas em novos imóveis, após a sua compra, para deixá-los conforme o gosto do cliente. Um piso mais caro pode ser simplesmente desperdiçado se não houver certeza que a decoração inicial do empreendimento será mantida pelo cliente.

Pisos de aplicação externa

Para ambientes externos, que estão expostos à chuva e sofrem um trânsito maior e mais desgastante a ponto de danificar mais rapidamente os pisos acima, uma opção bem mais vantajosa no médio e longo prazo é o granito, um material bastante resistente.

Disponível em diversas texturas, e ainda por cima considerado um material nobre, o granito pode ser usado para dar diversas identidades estéticas ao ambiente. Desde a rústica, onde o material fica com uma aparência mais fosca e aconchegante, até a polida, mais elegante e brilhante.

Além de resistente, este material possui uma manutenção barata que extende ainda mais sua a vida útil, tornando-o realmente vantajoso para ambientes de uso pesado.

Pisos de efeito estético

Quando o principal objetivo do piso é transmitir um efeito estético bastante específico, de forma a caracterizar todo o empreendimento de uma forma particular, os pisos mais populares mencionados acima podem não ser apropriados. Para isso, existem diversas outras opções, cada uma com uma identidade visual particular, porém com um custo maior. A escolha será determinada tanto pelas exigências físicas do ambiente quanto pelo efeito desejado.

Algumas opções de piso com efeitos específicos:

  • Mármore;
  • Limestone;
  • Silestone;
  • Pedras.

Todos podem ser encontrados em diversas cores e até texturas.

Neste artigo foram descritas as opções de piso mais vantajosas economicamente para um empreendimento imobiliário, e a opção mais econômica quando se deseja um piso mais resistente.

Para mais informações sobre os diversos tipos, cores e texturas de porcelanato, cerâmica e granito,  consulte um de nossos especialistas!

Até a próxima!

BANNERS-TEMÁTICOS-04

 
 
Copyright © 2016 | Studio Xang
Chat